Biografia de Dom Gilson Andrade da Silva

Nascido no dia 11 de setembro de 1966, no Rio de Janeiro (RJ), Dom Gilson Andrade da Silva ingressou, em 1985, no Seminário Diocesano Nossa Senhora do Amor Divino, em Petrópolis (RJ), onde cursou Filosofia até 1987. Em 1988 foi aluno do Colégio Eclesiástico Internacional Bidasoa, em Pamplona, na Espanha, onde fez bacharelado em Sagrada Teologia na Universidade de Navarra. Ao retornar da Espanha, em 1991, assumiu a vice-reitoria do seminário, onde também foi professor, até 1997 e depois de 1999 a 2004. Logo após a Ordenação Sacerdotal, em 4 de agosto de 1991, assumiu como vigário a Paróquia de Sant’Ana e São Joaquim, em Petrópolis, até 1994.

No ano 2000 assumiu como professor o curso de Teologia e Filosofia na Universidade Católica de Petrópolis. Em 2004 tornou-se membro do Conselho Pastoral Diocesano e, em 2005, membro da Equipe de Coordenação Diocesana do Plano Pastoral de Conjunto e da Missão Popular. Entre os anos de 2004 e 2005, Dom Gilson foi diretor do Instituto de Teologia, Filosofia e Ciências Humanas na Universidade Católica de Petrópolis. Também no ano de 2004 foi reitor do Seminário Diocesano de Petrópolis e coordenador da Pastoral da Juventude da Diocese de Petrópolis.

A partir de 2006 tornou-se membro do Colégio de Consultores e, em 2008, presidente da Associação Mantenedora das Faculdades Católicas Petropolitanas (UCP).  Em 2011, Dom Gilson foi nomeado pelo Papa Bento XVI como bispo auxiliar da Arquidiocese de Salvador. A Ordenação Episcopal aconteceu no dia 24 de setembro, em Petrópolis. A posse em Salvador aconteceu no dia 10 de outubro, na Catedral Basílica, localizada no Terreiro de Jesus.

Foram quase sete anos auxiliando o pastoreio do Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, até ser nomeado bispo coadjutor da Diocese de Nova Iguaçu (RJ) no dia 27 de junho de 2018, pelo Papa Francisco. No período em que esteve como bispo auxiliar de Salvador, Dom Gilson foi responsável por inúmeras atividades, entre elas destacam-se o acompanhamento do Setor Juventude, como bispo referencial, e o trabalho desenvolvido como secretário da CNBB Regional Nordeste 3 (Bahia e Sergipe).

 

Dom Gilson Andrade

 

Fonte: Assessoria de Imprensa – Arquidiocese de São Salvador da Bahia