Diocese de Campos recupera igreja histórica

A imagem pode conter: área interna

A imagem pode conter: céu e atividades ao ar livre

Fotos Maria das Graça Rosário

O tempo passa, mas na memória dos moradores, que renovam suas esperanças e alegrias na reabertura de sua igreja, renovação de alegrias, legados e histórias.

Capela de Santo Antônio, em Usina Taí, na Baixada campista, depois de longos anos desativada, foi completamente reformada e reinaugurada neste Sábado, dia 09 de Dezembro, com a celebração da Santa Missa, presidida pelo Pe. Fabiano Ferreira, Pároco da Paróquia de São Sebastião de Campos.

Fiéis se emocionam ao ver a história e patrimônio religioso resgatado. Tendo em vista, que grande parte da comunidade do Espinho e circunvizinhas tem suas histórias nesta Igreja, em épocas que era a única da região. Atualmente, a comunidade do Espinho, conta com uma nova Igreja, dedicada a Nossa Senhora Aparecida e a Santa Teresinha. Mas a vida religiosa deste povo teve início, na localidade de Usina Taí. Hoje, poucos moradores residem, lá. Mas os fiéis não hesitaram no empenho de ver sua história resgatada.

Participação ma edição

Pe.  Maxiliano  Barreto