XXI Adorai reúne mais de 10 mil pessoas e encerra a JDJ, em Petrópolis

11018604_1878100819082245_4150644233028471006_nCom a presença de mais de 10 mil pessoas, o XXI Adorai encerrou a primeira Jornada Diocesana da Juventude (JDJ) da Diocese de Petrópolis, que aconteceu entre os dias 23 e 26 de julho. Ao final da missa, ao som dos tambores, o Bispo Diocesano, Dom Gregório Paixão, OSB, anunciou que a próxima JDJ será no Decanato São José de Anchieta (Magé e Guapimirim), com as atividades concentradas no centro de Magé, em 2017.

Durante todo o domingo, dia 26 de julho, os jovens e fiéis participaram das tendas Jovem, que contou com a presença  de Olivia Ferreira, Astromar e Priscila Braga, que também participaram da Tenda Família com o Eros Biondini. Na Tenda Kids, as crianças foram envolvidas nas atividades do Projeto Arca de Noé e a tenda Artes teve a presença de Ziza Fernandes, Adriana Arydes e Leandro.

A Tenda Adoração, com Davidson Silva e Padre Mário, foi uma das mais procuradas e proporcionou aos fiéis momento de profundo encontro com Cristo, vivo e presente na Eucaristia. Após o almoço, aconteceu o mega show, reunindo no pal do Adorai os cantores católicos Ziza Fernandes, Leandro, Larissa, Davidson Silva, Adriana, Olivia Ferreira, Astromar e Eros Biondini, que ao final cantaram o hino da JDJ.

O Adorai terminou com a missa presidida pelo Bispo Diocesano, Dom Gregório Paixão e concelebrada pelos padres diocesanos, pelo Vigário Geral da Diocese, Monsenhor Paulo Daher e com a presença dos diáconos da Diocese. Religiosos e religiosas também estiveram presente ao Adorai, assim como durante todos os dias da JDJ.

Em sua homilia, aproveitando a história da Praça da Liberdade, em Petrópolis, onde aconteceu a missa de encerramento do Adorai e da JDJ, Dom Gregório Paixão lembrou que neste local, vindos pelas quatro vielas que chegam a praça, escravos livres se reuniam e ali vendiam coisas para conseguir dinheiro para comprar a liberdade de outros escravos. “É neste lugar, vindos dos quatro decanatos, que os jovens e todos aqui presentes vem em busca do libertador, do Salvador, que é Jesus Cristo”, frisou o bispo.

Fonte: Diocese de Petrópolis